10 dicas para cuidados com a pele

Higienizar, esfoliar, tonificar, hidratar e proteger. Uma pele saudável requer várias etapas de cuidado diário. A falta de tempo, cansaço e até a dificuldade de encaixar a compra de todos os produtos necessários no orçamento mensal acabam fazendo muita gente desistir de uma rotina de cuidados com a pele já na primeira semana – ou até antes de começar. Mas não podemos descuidar… Saiba as 10 dicas para cuidados com a pele.

10 dicas para cuidados com a pele

Recebi esse material super completo com perguntas e respostas, respondidas pela Nancy Ishikawa, esteticista e Educadora Técnica da Dermalogica, contando sobre a rotina de cuidados com a pele.

Uma rotina ideal tem quer ser flexível, viável e fácil de dar conta no dia a dia.”

1. Seis passos para uma rotina completa

Duas vezes por dia é preciso higienizar, esfoliar, tonificar e hidratar. Antes de sair de casa, protegê-la dos raios UV. O uso de máscara duas vezes por semana completa o tratamento. Água e óleo não se misturam, então é preciso aplicar primeiro os produtos de base aquosa (mais leves) e depois os mais oleosos, caso contrário, cria-se uma barreira que impede que o produto aquoso penetre na pele trazendo o benefício proposto. A sequência dos produtos considerando esse quesito é higienizantes, tônicos, serums, potencializadores, hidratantes, primers e FPS. A área dos olhos e lábios também merecem atenção especial e específica. Um pré-higienizante potencializa a ação do higienizante, da mesma forma que o pré shampoo age nos cabelos.

2. Sim, pode esfoliar diariamente (em alguns casos)

Os esfoliantes comuns do mercado são bem agressivos, por isso devem ser usados no máximo 3 vezes por semana. A esfoliação diária é possível, desde que com produto específico para uso diário (quando a pele não apresenta machucados ou sensibilidade) porque ajuda no processo de renovação celular, reduz os sinais do envelhecimento, melhora a textura e remove o excesso de pele morta que congestiona os poros.

3. Rotina alternativa para falta de tempo

Higienizar para não obstruir os poros, hidratar para repor a barreira lipídica (óleo) que foi retirada na higienização além da água em si e sempre usar um protetor solar, que deve ser reaplicado constantemente ao longo do dia.

4. Pode aproveitar a hora do banho, mas cuidado com a temperatura!

Não é o ideal, mas se a água for morna não tem problema. A água em altas temperaturas pode ser muito agressiva para a pele desidratando-a e estimulando a produção excessiva da oleosidade para compensar.  O ideal é a temperatura ambiente, em torno de 24C.

5. Sempre realizar o processo duas vezes ao dia

Sim. Pela manhã porque nossa pele não para de trabalhar enquanto estamos dormindo e devemos prepará-la para receber a maquiagem e proteger a pele dos agressores externos ao longo do dia. A noite devemos higienizar, pois a poluição tem resíduos que aderem à pele facilmente e são difíceis de retirar, ocluindo os poros e impedindo com que o sebo produzido saia, contribuindo para a formação de novos comedões (cravinhos) e congestionando a pele, deixando-a sem viço.

6. Sempre usar espátulas para pegar o produto na embalagem

O hábito de colocar os dedos direto na embalagem do produto leva à contaminação. O ideal é usar uma espátula que deve ser higienizada a cada uso, já que depois de tocar a nossa pele ela também fica contaminada..

7. Esfregar a pele oleosa é o erro mais comum na aplicação dos dermocosméticos em casa

Quem tem a pele oleosa pensa que aplicar mais pressão para espalhar os produtos no rosto diminui o problema, mas acontece exatamente o contrário, já que a pele entende que precisa produzir ainda mais óleo para se proteger.

8. Mesmo nas peles sensíveis as mãos são os melhores aplicadores dos produtos

Numa pele sensível é importante gerar o mínimo de atrito possível. O algodão é bem macio, mas ele solta fiapinhos então para uma pele com feridas não é bom. A gaze tem um pouco mais de textura e acaba sendo um pouco mais agressiva, mas para quem está com a pele sensível pode ajudar, já que não solta fios. Mas a própria mão ainda é o ideal.

9. Na área dos olhos, usar o dedo anelar

A região da area dos olhos é muito sensivel, tem a pele mais fina e maior perda de água transepidermal (desidratação) pela falta de lipídeos (óleo. Fazer uma fricção muito grande pode agredir a pele e causar maior flacidez, além de acentuar ainda mais as rugas. Para aplicar produtos na região deve-se usar o dedo anelar pois temos pouca precisão nestes dedos e portanto a pressão que aplicamos acaba sendo menor.

10. Atenção aos movimentos na aplicação do hidratante

Facial – sempre de dentro para fora e de baixo para cima para amenizar e prevenir as linhas de expressão.

Corporal – sempre fazer movimentos das extremidades para o centro do corpo para estimular o sistema circulatório (Sanguíneo e linfático).

Gostaram das dicas?? Agora é fazer não é migues??

Beijos, nutrição e beleza, Chris.

 

1 Comment

Comente!

Navigate